Brasília até hoje melhor não se viu
Suaves formas, frio concreto.
Afinal quem te construiu
Só leva o título de arquiteto?

Brasília de pedra e de flor
Qual seria melhor inspiração?
Brasília também de fel e dor
Quem teria a explicação?

Brasília do herói e do cidadão
Que cada dia a mais tenta viver.
Brasília do burocrata e do ladrão
Quem tentará se defender?

Brasília que tanto se mostra bela
Do passado ao futuro em um segundo.
Apesar do que entristece e traz sequela
Ainda te quero a outro lugar no mundo.

Brasília: mistura da mistura brasileira
Cada cidadão que é acolhido.
E mesmo na passagem mais ligeira
A tudo de bom acaba rendido.

Aos anônimos e aos conhecidos
Minha homenagem!
Aos mártires e alguns esquecidos,
Minha homenagem!
Aos vencedores e aos vencidos,
Minha homenagem!
Aos políticos bandidos,
Minha mensagem!

André Rocha

Você gostou? Compartilhe:

Tags: , ,