Mais uma vez o Sol, no horizonte aparece
E são cinquenta anos desta tão singela cena.
Para agradecer o dia, renovo a minha prece
Enquanto admiro Brasília e sua beleza plena.

O frio concreto orvalhado durante a madrugada
Vai se aquecendo com o Sol e a gente a chegar.
O trabalho, presente desde antes de inaugurada
Movimenta e traz pessoas, vindas de todo lugar.

Para completar esta mistura de gente com a cidade,
Olhamos para cima e nos perdemos no céu sem igual.
Por estes e outros motivos merece ser nossa Capital.

O povo, o concreto e o melhor da diversidade cultural
Resulta em sua indiscutível e irretocável identidade
Assim é Brasília, não atoa, Patrimônio da humanidade.

André Rocha, Outono de 2010

Você gostou? Compartilhe:

Tags: , , ,