Em um dia como hoje eu gostaria de ter dinheiro
E comprar um mundo de coisas bonitas para dar.
Mas tudo que pago ou devo, já me toma ele inteiro
Fico sempre, a cada dia destes, sem presentear.

Em um dia destes em que perfume é o cheiro
Talvez cultive, quem sabe uma rosa ou uma flor.
Mesmo que eu não tenha o dom do jardineiro
Bastaria então que eu fizesse com e por amor.

Sem algo no bolso, nem do jardineiro tenho o dom,
Mas presentes se perdem e flores podem secar…
Tenho apenas algo escrito e espero que seja bom.
Tudo para que nunca esqueça ou deixe de me amar.

Deste modo, o que seria da beleza e perfume das flores
Se o motivo de comprá-las ou cultivá-las eu não pudesse saber?
De que valeria comprar o mais caro sem cultivar os amores?
Mas saiba, afinal de contas, tudo a existir no meu mundo é você!

André Rocha
12/06/2012

Você gostou? Compartilhe:

Tags: , , , , ,