Como recompensar quem merece todas as glórias,
Quem sabe, como ninguém, onde começa a vida,
Cujo conhecimento não cabe em livros de histórias,
Quem, mesmo a provar a dor, não se vê abatida?

Que sinônimo dar a quem passa por qualquer situação
E é capaz de sorrir, como se fosse normal padecer?
Como definir a mulher que consegue partir o coração
Para, como sempre, não deixar um filho sofrer?

Mãe, nome pequeno, desproporcional ao que representa.
Singela doçura que com o seu amor complementa,
Tão grande as razões para a humanidade existir.

Mãe, os melhores adjetivos para vê-la sorridente,
Ainda não bastarão para dar de presente,
Tão grande a consideração que tenho por ti.

André Rocha Outono 2007

Vídeo disponível no YouTube
Origem da Vida (Homenagem às Mães)

Você gostou? Compartilhe:

Tags: , , ,